quinta-feira, 14 de abril de 2016

Como Ter Saude Perfeita Naturalmente



Olá, esse artigo vem de uma pessoa QUE ERA "desenganada pelos médicos". Leia e mude sua vida também!

Mude Sua Dieta, Mude Sua Vida!!!


Em seu documentário muito importante: “Fat, Sick and Nearly Dead” (Gordo, Doente e Quase Morto) o Australiano Joe Cross (http://www.fatsickandnearlydead.com/),  conta como “caiu na real” e se deu conta que “o homem é essencialmente um ser vegetariano”. Assista o documentário de como ele recuperou a sua saúde e de milhares de pessoas no link acima ou também (legendado) no Netflix.

Em outro documentário: “Food Matters” (Comida é Importante), os Diretores James Colqhuoun e Laurentine ten Bosch (https://youtu.be/r4DOQ6Xhqss), explicam como o mundo está “morrendo pela boca”. O filme pode ser visto completo no Netflix. Esse documentário deve ser assistido e estudado.

Eu vi esses documentários após iniciar um tratamento com o irmão Mórmon (naturalista) Claudio Pivari. Eu levei a ele os meus 42 exames de saúde, incluindo o último que fiz para o cardiologista da Clínica Dr. Consulta. Ao ver o resultado, o cardiologista disse muito sério: “Saia agora do meu consultório e vá imediatamente para o primeiro hospital que encontrar e se interne para uma operação na sua aorta. Você está prestes a morrer”.

O que você faria nessa situação? Eu saí dali assustado e com a ajuda da minha irmã, fiz um contra exame (angiotomo), que mostrou que a situação não era tão dramática, que poderia ter havido um erro de diagnóstico. Porém, eu não poderia arriscar... Minha condição física estava péssima e eu não conseguia andar direito, tinha uma “pança” imensa... Os médicos, depois de tantos exames diziam que “não sabiam por que eu estava naquelas condições”. Estava inchado e travado, apesar de COMER POUCO. Não conseguia amarrar direito nem os cadarços dos sapatos!

O Claudio Pivari deu a sentença, após duas horas de conversa. Ele explicou o grande perigo da má alimentação (causa dos meus problemas de saúde), com estas palavras iniciais: "Existem cerca de 80.000 tipos de doenças no mundo todo, a maioria causada pela má alimentação e mistura aleatória (errada) de alimentos, causando assim, fermentação e putrefação intestinal, destruindo a flora e intoxicando as células do corpo. Devido a esta fermentação e putrefação, o corpo acaba produzindo 78 venenos, altamente nocivos à saúde, que servem para combater estas reações".

Mas Nós Temos Uma Lei de Saúde!

Faz mais de 34 anos que eu me batizei na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (também conhecida como Igreja Mórmon). Uma das primeiras coisas que me ensinaram é a “Palavra de Sabedoria”, uma escritura sagrada que se encontra em Doutrina e Convênios (https://www.lds.org/scriptures/dc-testament/dc/89?lang=por), um dos nossos livros sagrados, contendo revelações modernas. O prefácio de D&C 89 diz: "Revelação dada por intermédio de Joseph Smith, o Profeta, em Kirtland, Ohio, em 27 de fevereiro de 1833. O fato de os irmãos daquela época mascarem tabaco em suas reuniões levou o Profeta a ponderar sobre o assunto; por conseguinte, ele inquiriu o Senhor a respeito disto. O resultado foi esta revelação, conhecida como a Palavra de Sabedoria".

Oras, apesar de todos esses anos lendo e estudando essa escritura, parece que nunca a havia entendido direito. Nela o Senhor diz que podemos partilhar e comer de tudo que é bom, porém, nos versículos 12 e 13 ele é bem explícito:

12 Sim, também a carne de animais e a das aves do ar, eu, o Senhor, indiquei para uso do homem, com gratidão; contudo, devem ser usadas moderadamente;

13 Agrada-me que não sejam usadas a não ser no inverno ou em tempos de frio ou de fome.

Percebeu o “Agrada-me que NÃO sejam usadas”? Pois é... Esse sempre foi e continua a ser o problema para, pelo menos 99% dos membros da Igreja e também para aqueles que não pertencem a ela no mundo todo. Está claro que o Senhor está dizendo: “Coma de tudo que é vegetal bom – frutas, verduras, etc. – mas não coma carne, EXCETO em caso de extrema necessidade”. Ou seja, embora ele não proíba comer carne, isso deve ser feito somente se não houver outra coisa (do mundo vegetal).

E o Senhor faz essa promessa final (além de outras):

21 E eu, o Senhor, faço-lhes uma promessa de que o anjo destruidor passará por eles, como os filhos de Israel, e não os matará. Amém.

Ou seja, se fizer as coisas que ele manda nesta escritura, “o anjo destruidor”, aquele que traz doenças, e que matou os primogênitos no Egito, como uma das pragas, não nos alcançará!

Em que contexto o Senhor deu essa Revelação moderna? Veja que Joseph Smith morava na América do Norte, em Ohio, local extremamente frio no inverno. Sabemos que nesta época a neve mata toda e qualquer planta nas hortas e no campo. Portanto, alguém nessa época da roça (1833), teria que ter alguma coisa a mais para comer, caso não houvesse frutas e verduras. Daí a não proibição da carne, porém “somente em caso de necessidade” (tempos de frio ou fome).

O que fazemos hoje em dia? É normal virmos um número imenso de irmãos e irmãs doentes, na Igreja e fora dela e, assim como eu, lendo a Lei de Saúde do Senhor continuamente, se empanturrando de carnes, coisas doces, refrigerantes, leite (que um dia foi leite, mas depois de processado é um perigo para a saúde), entre outros produtos industrializados. Veja, eu pensava e cumpria a Palavra de Sabedoria quanto a não fumar, não beber, não tomar bebidas quentes (café e chás fortes), as coisas que vêm à cabeça quando lemos essa Escritura.

Foi aí que iniciei meu tratamento. Aos 61, quase 62 anos, tive que partir para uma desintoxicação completa, abolindo carne, refrigerantes, açúcar, leite e tomando cuidado em não me contaminar com produtos industrializados. Passei a usar uma dieta muito semelhante a essa indicada no documentário “Fat, Sick and Nearly Dead” e minha vida mudou mesmo!

Em apenas uma semana e meia cumprindo INTEGRALMENTE a Palavra de Sabedoria, eu desinchei incrivelmente! De repente, eu podia novamente dobrar minhas costas doloridas, minhas pernas e pés não inchavam e não doíam, meu intestino funcionava, comecei a ter mais clareza mental e mais energia. De repente eu não precisava mais me apoiar nas paredes em casa e nem na rua para não cair, depois de andar 100 metros!

Minha esposa, ao usar o mesmo tipo de HIGIENE ALIMENTAR, não é mais diabética, em apenas 2 semanas!

Portanto, para você que lê estas linhas, tome uma atitude agora em defesa da sua família! O Senhor deu sua Palavra de Sabedoria, mas ela não está sendo cumprida. Talvez seja difícil entender enquanto o aviso do Senhor está simplesmente num livro ou na internet... Portanto, veja o que está nos documentários acima para ver se ajuda.

Boa saúde!

Clovis Lemes


0 comentários:

Postar um comentário

Caso queira, deixe seu comentário.




Baixe aqui gratuitamente